Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Meia Laranja Inteira

Halfway there...

Meia Laranja Inteira

Halfway there...

Romantismos e emotivismos

Perguntaram-me há pouco tempo se sou romântica. Fiquei a pensar nisto... e ... não sei bem se sou ou não. Melhor, acho que sou mas não no sentido tradicional da coisa.

Não sou muito de jantares à luz de velas ou de me sentar ao luar ou de ficar a contemplar o pôr do sol...isso faz-me lembrar a minha mãe! ehehee Ela sim, é assim. Mas é-o sinceramente. Está intrínseco na sua forma de ser e de estar. Eu não. Também não gosto de clichés. Gosto de fazer as coisas porque as sinto no momento. Sou impulsiva e não premeditada!

Mas gosto de coisas que me toquem, que me arrepiem e mais ... tenho uma necessidade extrema de sentir que toco e que arrepio. Acredito que às vezes no vaivém espacial em que parece que o nosso quotidiano se transforma, seja difícil encontrar estes momentos em que um toque que arrepia nos surpreende... É aí que eu acho que sou romântica - Às vezes basta uma pergunta pessoal olhos nos olhos, basta um segurar a mão durante mais tempo do que o que era suposto ou necessário, basta passar a mão pelos cabelos e dizer vai correr tudo bem porque eu estou aqui. Ou basta, como alguém me disse também, partilhar um batido do macdolnald's com duas palhinhas - isto confesso que nunca fiz!

Mas acho que romantismo é uma palavras estranha que nos remete para outras épocas e outras formas de pensar e outras formas de estar. Chamaria-lhe hoje emotivismo, à minha forma de extrapolar emoções e fazê-las superar a flor da pele...

Dito isto ainda não me decidi se sou romãntica ou não... outro dia falarei sobre isto! :)

***

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Quantas laranjas?

Que horas são?

Calendário

Setembro 2007

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

Quantas agora?