Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Meia Laranja Inteira

Halfway there...

Meia Laranja Inteira

Halfway there...

Mente que eu deixo.

 

 

Às vezes penso nisto...

 

Detestar a mentira é óbvio para muita gente, incluindo eu. Sempre vesti a camisola da equipa da verdade, verdadinha - aquele grupo de pessoas que prefere uma verdade que magoa a uma mentira que apazigua...

 

Isto sou eu, que prefiro saber de cor, as cores e feitios das linhas com que me coso, para poder antecipar e entender as situações com que me deparo na vida. 

 

Mesmo (e sobretudo) quando as verdades são crueis e dolorosas, mesmo que me amassem, dobrem e rasguem por dentro - Continuo a preferí-las, ao conforto da ignorância. Sou grande o suficiente para cair e levantar-me de novo. E se não for assim, não cresço, certo? Por isso, nunca gostei que me "protegessem" das verdades, porque não preciso de proteção contra aquilo que me faz crescer como pessoa. Às vezes, preciso de um abraço a seguir, mas isso é só mimo...

 

Mas, tenho mesmo de confessar isto.

Às vezes, e muito de vez em quando, gosto das mentiras que surgem nas pequenas coisas.

Por isso, não me enganes com verdades, mas deslumbra-me com mentiras e diz-me: diz-me que o meu sorriso te aquece, diz-me que os teus planos começam na concretização dos meus sonhos, diz-me que a minha loucura te extasia e que os meus beijos te incendeiam... Mente-me assim, que assim não conta! 

É que, sabes uma coisa?... Às vezes também minto. E, sabes qual é a minha maior mentira?...   Resume-se a uma palavra:   "Pára".

Mais sobre mim

Quantas laranjas?

Que horas são?

Calendário

Setembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

Quantas agora?