Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Meia Laranja Inteira

Halfway there...

Meia Laranja Inteira

Halfway there...

Mundos dentro de mim


"Falaremos.
Dos cometas que largámos.
Dos sóis que retirámos
do calor do nosso lume.
Das estrelas que tirámos do céu
e colocámos no mar. "


E contudo, nem uma única palavra sai da minha boca. Nem da tua. E no entanto, tratados de paz e de guerra são delineados em absurdos pormenores nas linhas que os olhares nos unem.
Há uma gaivota no meio da nuvens. A única que se aventura no céu desprovido de azul. Mantém diálogos ininterruptos com ela própria e com as outras que encontra nos voos densos dentro da sua própria mente.
É livre assim.
Seremos nós também?
Mergulho no meu céu de nuvens. Faço voos picados e rasantes ao solo em tentativas constantes de encontrar movimento, intensidade, liberdade emotiva, força escondida que transborda de mim sem que me dê conta... Mantenho diálogos com os meus eus. Com os eus que já fui e deixei de ser. Com os eus que poderia ter sido e não fui. Avalio-os e meço-lhes capacidades e fraquezas.
E penso. Sou forte. Domino as minhas fraquezas e subo mais alto, esperando não encontrar ninguém no topo. Só eu e o vento que me enche o peito, dividindo-o com a fúria, a vontade e a força de continuar.
Serei livre assim?

Concluo, enquanto me continuar a colocar esta questão continuarei a ser livre de tudo e todos, menos de mim. Não sei se é este tipo de liberdade que quero. Umas vezes sabe bem porque protege, outras sabe mal porque afasta.
E mais uma vez te olho nos olhos e me entendes sem que te fale. Dissipas-te. Porque não és real. Nem estás no meu mundo a sério.
Ficas um pouco mais no meu mundo de brincar?

5 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Quantas laranjas?

Que horas são?

Calendário

Outubro 2007

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Quantas agora?